sábado, 5 de março de 2016

Distúrbios Alimentares

São doenças que incapacitam para trabalhar / estudar / ter uma vida normal. 

alimentação viva crudivorismo

 
Bulima - ocorrem surtos de compulsão por comida. A pessoa come, excessivamente, a ponto de vomitar. Os võmitos costumam ser diários, o que causa danos ao corpo: dentição; a própria questão da nutrição fica comprometida, pois se come e "joga fora", surgem problemas de saúde. É comum, entre bulímicos, o uso de laxantes (no desespero) para tentar se livrar da grande quantidade de comida ingerida.

Obesidade - Há três tipos, grau I, grau II e grau III (o mais severo). O grau I já considerado obesidade mórbida. Essa condição é um risco de vida. Os obesos têm mais chances de desenvolver diabetes, hipertensão, câncer, além doenças autoimunes, como asma.


Anorexia - a pessoa não come por longos períodos e, quando come, costumam ser alimentos vazios nutricionais: chiclete (mascar o dia inteiro), 1 fatida de pão ou 1 bolacha. As células carentes de nutrientes fazem com que as atividades hormonais, metabólicas, cardíacas e outras se tornem anormais. 


anorexia, bulimia, obesidade

O ponto em comum dos distúrbios alimentares é a perda do controle sobre a comida. Além disso, é a comida industrial, que envolve esses três problemas.
 
O açúcar, sal, farinhas, óleos refinados, agrotóxicos, antibióticos, hormônios, gordura trans, transgênicos, conservantes cancerígenos como o benzoato de sódio / sorbato de potássio (presentes nos molhos de tomates e nas marcas de molho shoyo). Tudo isso está na mesa brasileira, hoje. São toxinas ingeridas pelo corpo, diariamente.

A comida industrial causa dependência química como a nicotina e o álcool.
Empobrecendo as células do corpo de nutrientes, elas comentem erros: podem deixar de produzir insulina (diabetes); podem se reproduzir descontroladamente (câncer); podem atacar umas contra outras (doenças autoimune); podem alterar a produção de hormônios como a serotonina (depressão); distúrbios alimentares e outros. 



Os vídeos, abaixo, são curtos. Mostram a comida industrial na rotina, em específico, da bulimia, da obesidade e da anorexia. O último vídeo de anorexia, mostra a reversão da doença com a alimentação viva - vegetais crus.

 
Uma noite com Bulimia




Obesidade Grau III (Brasil) 




Anorexia (esse vídeo é interessante, pois mostra o confronto da pessoa com a comida industrial, típica de qualquer supermercado, seja grande ou pequeno)  






Desenvolvimento da anorexia e sua reversão (Austrália)






No fundo, toda doença que se manifesta, é uma consequência de um distúrbio alimentar ou de uma alimentação inadequada.




Nenhum comentário:

Postar um comentário